Salette Tavares – Lex Icon

14.95

Salette Tavares – Lex Icon

Pub. by Tigre de Papel
2020
144 pages

Language: Portuguese

Only 2 left in stock

Lex Icon foi publicado originalmente em 1971, pela Moraes Editores, na sua célebre colecção «Círculo de Poesia». Esgotado durante várias décadas, esta obra fundamental do movimento da chamada poesia experimental portuguesa – de que Salette Tavares foi uma das figuras mais preeminentes – voltou a estar disponível pela mão da Tigre de Papel, em edição fac-simile, em 2017.

Na sua edição original, Lex Icon está dividido em três partes: «Lex», «Icon» e «Lex Icon». As duas primeiras partes são compostas apenas por um poema cada uma, cumprindo ambas uma espécie de função de mote. A terceira parte é composta por 26 poemas, cada um deles dedicado a um objecto da casa. Nesta edição, acrescenta-se sete poemas, dedicados a outros tantos objectos, não incluídos na edição original, bem como o prefácio à edição italiana do livro, por Gillo Dorfles, de 1977, e uma recensão do poeta António Ramos Rosa, publicada na revista Colóquio/Letras em 1972.

A capa reproduz um guache de Paula Rego que ilustra um dos poemas deste livro, «O Louceiro».

No contexto da obra de Salette Tavares, Lex Icon é um ponto alto de um processo, iniciado com a publicação de Espelho Cego, em 1957, de produção de uma linguagem poética híbrida, que esbate fronteiras entre texto, sons, imagens e objectos, ao mesmo tempo que se constitui como uma profunda reflexão teórica sobre o modo do fazer poético, intimamente identificado com o trabalho de «fabricação» do artesão, num exercício minucioso de permanente valorização de significantes e desconstrução de significados.