Gabriel Jackson – A República Espanhola e a Guerra Civil 1931/1939 (Vol. 1 & 2)

17.50

Gabriel Jackson – A República Espanhola e a Guerra Civil 1931/1939
Author: Gabriel Jackson
Publisher: Europa-América
Year: 1973
Translator: Luís Adrisson Pereira (from the US 3rd ed.)
Pages: 380 + 312 pp
Dimensions: 13 x 18,5 cm

[PT] “Não só dentro da Espanha como também fora dela (e nomeadamente em Portugal), uma geração completa se sentiu profundamente comprometida, do ponto de vista emocional, com a Guerra Civil Espanhola, mais do que com qualquer acontecimento internacional ocorrido durante a sua vida, incluindo a segunda guerra mundial. Sobre um conflito tão diversamente interpretado, que teve vastas ramificações e repercussões além-fronteiras e cujo conhecimento é imprescindível para a compreensão da Espanha actual, se publicaram já milhares de livros. Mas a obra de Gabriel Jackson, professor de História na Universidade da Califórnia, em San Diego, não é apenas «mais uma». Eis como o crítico Robert G. Colodny aprecia esta obra: «Se os 12 000 livros sobre o conflito espanhol desaparecessem para ficar apenas este, parece-me que as verdades essenciais sobre a Espanha moderna sobreviveriam. O presente estudo consegue o que muitos tentaram em vão: descobrir, com base numa profunda investigação sobre a moderna história espanhola, os factores que impediram a República de vingar. Este livro não é um mero compêndio dos erros de políticos e de partidos; não é uma simples crónica de batalhas e de crimes. O autor compreende e analisa as estruturas, as tradições, as paixões e os conflitos de ambições da sociedade espanhola. A guerra que fez do país um cemitério da Europa e matou as esperanças das gerações teve a sua origem na luta de uma Espanha desejosa de se integrar no século XX contra uma outra Espanha decidida a conservar as instituições e as relações sociais de um passado moribundo.»”

[EN] “Not only within Spain but also outside of it (particularly in Portugal), an entire generation felt deeply emotionally connected to the Spanish Civil War, more so than any international event that occurred during their lifetime, including World War II. Thousands of books have already been published on a conflict that has been interpreted in diverse ways, with wide-ranging ramifications and repercussions beyond its borders, and whose understanding is essential for comprehending present-day Spain. However, Gabriel Jackson’s work, a history professor at the University of California, San Diego, is not just ‘another one’ among them. Here’s how critic Robert G. Colodny appreciates this work: ‘If the 12,000 books on the Spanish conflict were to disappear, leaving only this one, it seems to me that the essential truths about modern Spain would survive. This study accomplishes what many have attempted in vain: to discover, based on profound research into modern Spanish history, the factors that prevented the Republic from prevailing. This book is not a mere compendium of political and party mistakes; it is not a simple chronicle of battles and crimes. The author understands and analyzes the structures, traditions, passions, and conflicts of ambitions within Spanish society. The war that turned the country into a cemetery of Europe and killed the hopes of generations originated in the struggle between a Spain eager to integrate into the 20th century and another Spain determined to preserve the institutions and social relations of a dying past.'”

Weight 0.8 kg